Missão, Visão e Valores

MISSÃO

Utilizar-se das artes para: propagar a Palavra de Deus, levar a presença de Deus às pessoas, para salvação, cura e libertação e levar as pessoas até Deus, para adorá-lo.

VISÃO

Ser e inspirar outros a serem verdadeiros adoradores.

VALORES

Amor, Santidade, Compromisso, Submissão, Respeito, Serviço, Excelência, Evangelismo.

REQUISITOS PARA INCLUSÃO E PERMANÊNCIA NO MINISTÉRIO

Os requisitos necessários para ingressar e permanecer no Ministério Edificando Adoradores não são regras, mas cuidados com a Igreja, com a equipe e com o próprio candidato, visto que em tudo devemos servir com amor e muita responsabilidade e que, quando ministros, nos tornamos referência de Jesus para todo o povo.

Ministério é o que transborda do nosso coração, quando cultivamos um relacionamento com Deus, pois arde em nós o desejo de servi-lo. Adorar a Deus é servir em seu reino. Isso se torna mais difícil, quando entendemos que precisamos servir em amor. Isto é, nosso serviço deve ser sem vaidade, sem querer mostrar o quanto somos bons, sem objetivo de alcançar um lugar de destaque, sem ambição egoísta, sabendo que nada é realmente nosso, mas que somos mordomos de tudo o que o Senhor nos confiou. Em todas as formas do adorador servir ao Senhor, ele deve procurar ser excelente em tudo. Buscar excelência é fazer o melhor. Tudo o que Deus criou foi excelente e em tudo o que nós fazemos devemos também buscar excelência.

CONFESSAR JESUS CRISTO COMO ÚNICO E SUFICIENTE SALVADOR

CIN (Curso de Integração para todos que chegam à igreja)

BATISMO

ENCONTRO COM DEUS

ESTAR EM COMUNHÃO COM A IGREJA EDIFICANDO EM CRISTO

Frequência assídua nos cultos, não somente nos dias de escala.

ESTAR EM CÉLULA (“mínimo” de 6 meses de frequência assídua, com o mesmo líder de célula)

AVAL DO LÍDER DE CÉLULA (preencher o Anexo 1)

ENTREVISTA (candidato, líder de célula e líder do Ministério)

É importante que, antes de se integrar no Ministério, a pessoa tenha sua fé alicerçada e consolidada. Também, que o candidato se torne conhecido pela liderança e que conheça o funcionamento do Ministério; o tempo de frequência na célula e o tempo de discipulado possibilitam esse conhecimento mútuo.

Não pode ser recém-convertido, para que não se ensoberbeça e caia na mesma condenação em que caiu o diabo. Também deve ter boa reputação perante os de fora, para que não caia em descrédito nem na cilada do diabo - 1 Timóteo 3:6-7 “Irmãos, escolham entre vocês sete homens de bom testemunho, cheios do Espírito e de sabedoria..." Atos 6:3

CIMA – Curso Introdutório para o Ministério de Adoração (discipulado específico para o Ministério Edificando Adoradores)

ESTAR DE ACORDO COM AS ORIENTAÇÕES DESTE DOCUMENTO E COM O CONTEÚDO DO DISCIPULADO CIMA

QUESTIONÁRIO DE VISÃO / DNA – Delineando Nossa Aliança: questionário para facilitar o entendimento das partes, isto é, entendimento sobre a visão do Ministério e da Igreja e entendimento dos objetivos do candidato (Anexo 2).

AUDIÇÃO (Teste de Aptidão)

O Candidato deverá preencher a ficha de inscrição (Anexo 3). Serão sugeridas a apresentação de 3 músicas e o candidato também poderá apresentar uma música a sua escolha. Para o teste de canto, as músicas serão acompanhadas por pessoas do Ministério e o candidato será avaliado pelo líder de Vocal, pelos facilitadores de vocal das equipes e pelo líder do Coral. No caso de teste de instrumento, o candidato será avaliado pelo líder instrumental e pelos facilitadores instrumentais. Para as áreas de Som, Iluminação, Imagem e Filmagem, o candidato será avaliado em entrevista e, caso aprovado, passará por treinamento por tempo indeterminado (mínimo de 3 meses).

O teste de aptidão é importante para certificação da competência técnica. A Bíblia diz que devemos “tanger com arte e com júbilo” (Sl 33.3). Geralmente, nós ficamos só com o júbilo e esquecemos da arte. No entanto, o propósito de Deus é que, seja o nosso instrumento a voz ou o violão, a bateria ou outro qualquer, nós devemos usá-lo com arte. Isto requer técnica, beleza, habilidade e perícia.

Todos esses homens estavam sob a supervisão de seus pais quando ministravam a música do templo do Senhor, com címbalos, liras e harpas, na casa de Deus. Asafe, Jedutum e Hemã estavam sob a supervisão do rei. Junto com seus parentes, todos capazes e preparados para o ministério do louvor do Senhor, totalizavam 288.- 1

Crônicas 25:6-7

Quenanias, o chefe dos levitas, ficou encarregado dos cânticos; essa era sua responsabilidade, pois "ele era capaz nisso". - 1 Crônicas 15:22

Todos esses foram descendentes de Obede-Edom; eles e os seus filhos e parentes eram capazes e aptos para a obra.- 1 Crônicas 26:8

- SER DIZIMISTA

Quanto ao dízimo, entendemos que tudo é de Deus e tudo é para Deus e isso se aplica também ao nosso dinheiro. É preciso administrar bem nossas finanças e entender que parte de tudo o que Deus nos dá deve ser devolvido para manutenção e crescimento da obra de Deus.

O dízimo é muito anterior à lei de Moisés, visto que Abraão deu o dízimo de tudo o que possuía ao sacerdote Melquizedeque. O dízimo é uma forma de todos contribuírem para a obra de Deus de maneira justa e equilibrada. Também é um parâmetro bíblico para manutenção da obra de Deus e para trabalho missionário. Jesus ratificou o mandamento do dízimo, que percorre toda a Lei e os Profetas: Ai de vocês, mestres da lei e fariseus, hipócritas! Vocês dão o dízimo da hortelã, do endro e do cominho, mas têm negligenciado os preceitos mais importantes da lei: a justiça, a misericórdia e a fidelidade. Vocês devem praticar estas coisas, "sem omitir aquelas".

Mt 23:23

TREINAMENTO / APERFEIÇOAMENTO

Cantem-lhe uma nova canção; toquem com habilidade ao aclamá-lo. - Salmos 33:3 O Espírito Santo está mais presente em um planejamento cuidadoso do que em uma improvisação descuidada e mal feita.

ZELO

"Maldito o que faz com negligência o trabalho do Senhor! Jeremias 48:10

Jesus disse aos seus discípulos: "O administrador de um homem rico foi acusado de estar desperdiçando os seus bens. Então ele o chamou e lhe perguntou: ‘Que é isso que estou ouvindo a seu respeito? Preste contas da sua administração, porque você não pode continuar sendo o administrador’. - Lucas 16:1-2

Cumprir e promover a Missão, Visão e Valores do Ministério e da Igreja É indispensável que todos que servem estejam alinhados à visão da Igreja, tendo o mesmo propósito e caminhando em unidade, para que não haja divisão.

Recomendo-lhes, irmãos, que tomem cuidado com aqueles que causam divisões e colocam obstáculos ao ensino que vocês têm recebido. Romanos 16:17

"Todo reino dividido contra si mesmo será arruinado, e toda cidade ou casa dividida contra si mesma não subsistirá. - Mateus 12:25

Aprovação pela liderança do Ministério

Além de todos os pré-requisitos acima, para inclusão no Ministério, também será necessário aguardar decisão da Liderança.